Busca avançada



Criar

História

Lugar de estante é na tv

História de: Helio Seibel
Autor: Museu da Pessoa
Publicado em: 20/12/2012

Sinopse

A infância passada no Bom Retiro, onde morava com a família. Os esforços de seus pais, imigrantes, para conseguirem se estabelecer no país, através da abertura de pequenos comércios. A entrada no mundo dos negócios na empresa familiar, para ajudar seu pai, que estava doente. Início do trabalho na loja de madeiras e ferragens na rua do Gasômetro, no Brás. A expansão da loja, a Leo Madeiras, uma das maiores do ramo atualmente. Questões relacionadas ao trabalho, à atividade comercial, e à urbanização da cidade de São Paulo. As atividades de lazer preferidas.

Tags

História completa

“Uma preocupação que nós sempre tivemos aqui na Leo Madeiras foi a de nos comunicarmos com os clientes. Então, uma das primeiras ideias que nós tivemos nesse sentido foi criar um canal de mala direta. Fomos investindo durante anos para formar o nosso cadastro e começamos a mandar, periodicamente, material para as pessoas. Só que chegou uma época em que isso foi ficando caro, em parte pelo correio e em parte pelos custos de gráfica. Aí nós decidimos: ‘Olha, está ficando tão caro que talvez seja mais econômico a gente ir para uma mídia de massa.’ E compramos, durante uns quatro anos, meia hora na RedeTV!, canal aberto. Nós fazíamos e produzíamos um programa de meia hora, portanto, de televisão que passava no domingo etc. A coisa estava indo bem, mas aí a RedeTV! resolveu mudar a política de preço e o preço ficou alto. Mudamos para outra rede e chegou uma hora que eu falei: ‘Eu acho que a mídia também está muito cara e com uma desvantagem gigantesca, que é você ter que assistir o programa naquele dia, naquele horário, naquele canal.´ Então, como nós fazíamos? A nossa produção é de um conteúdo, e a gente gostaria que a pessoa... de treinamento, de formação, que a pessoa pudesse assistir duas, três vezes, quatro se for preciso: ‘Puxa, como é que é mesmo?’ O cara assiste de novo, o dono da marcenaria assiste de novo e mostra para um funcionário, tudo. Ou seja, a possibilidade de poder repetir é importante. Então a gente decidiu mudar de novo: ‘Ah, vamos sair da mídia de massa e vamos para a mídia de internet, que a pessoa vê na hora que ela quiser, no dia que ela quiser, quantas vezes quiser. Guarda? Não guarda? Não importa; está tudo lá, disponível.’ E com isso, então, migramos pra tvleo.tv. A gente tem medido o número de visualizações e vê que o acesso ao canal tem crescido. Hoje toda a linha, por exemplo, toda a linha de máquinas, ferramentas e ferragens já tem filmes para cada um dos produtos, inclusive não só sobre o produto, mas sobre como se aplica o produto. O volume de lançamento de padrões e de acabamentos novos é muito grande, então é difícil encontrar um meio para que todas essas informações cheguem ao conhecimento do cliente. Com a TV Leo nós conseguimos chegar a um resultado eficaz.”

Ver Tudo PDF do Depoimento Completo

Outras histórias


Ver todas


Rua Natingui, 1100 - São Paulo - CEP 05443-002 | tel +55 11 2144.7150 | cel +55 11 95652.4030 | fax +55 11 2144.7151 | portal@museudapessoa.net
Licença Creative Commons

Museu da Pessoa está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-Não Comercial - Compartilha Igual 4.0 Internacional

+