Busca avançada



Criar

História

Vida sobre trilhos

História de: Dionísio Shockness
Autor: Museu da Pessoa
Publicado em: 10/12/2010

Sinopse

Dionísio Shockness é filho de imigrantes ingleses que se instalaram em Porto Velho em 1910 para a construção de uma das principais ferrovias do Brasil, a Madeira-Mamoré. Aprendeu funções da marcenaria com seu pai e posteriormente tornou-se maquinista da ferrovia construída por ele.

Tags

História completa

A madeira-mamoré acabou. Nada é mais Madeira-Mamoré. Hoje, para falar o português claro, eu tneho até vergonha disso aqui. Eu pergunto: onde está a fábrica de gelo, as casas, os barracões?

Eu comecei a trabalhar aqui em 1934 e me aposentei em 69. Já fiz todo esse percurso da ferrovia. De Abunã pra cima, ficava tudo na minha responsabilidade. Se caísse alguma coisa, se quebrasse alguma coisa, eu que recuperava. Recuperava litorana, recuperava tudo. A gente tinha que passar carga trazida da Bolívia, passava borracha. Ao longo da linha tinha seringalistas, tinha residência de gente que morava aí, tinha comércio. Essa ferrovia supria tudo. Isso foi tudo no tempo do trem.

Ver Tudo PDF do Depoimento Completo

Outras histórias


Ver todas


Rua Natingui, 1100 - São Paulo - CEP 05443-002 | tel +55 11 2144.7150 | cel +55 11 95652.4030 | fax +55 11 2144.7151 | portal@museudapessoa.net
Licença Creative Commons

Museu da Pessoa está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-Não Comercial - Compartilha Igual 4.0 Internacional

+